Economia
Dólar tem dia instável após disparada na véspera

 Na quarta, moeda chegou a alcançar R$ 5,25, e fechou em alta de 3,79%, a R$ 5,1955.

 
 
 
 
O dólar opera com instabilidade nesta quinta-feira (19), após a disparada na véspera, com o dia um pouco mais tranquilo nos mercados financeiros. Ainda pela manhã, no entanto, a cotação da moeda voltou a subir. Os agentes também reagem ao corte na taxa básica de juros brasileira, definida na noite de quarta pelo Banco Central.
 
Às 10h19, a moeda norte-americana era vendida a R$ 5,1705, em queda de 0,48%. Na máxima do dia até o momento, chegou a R$ 5,2100; na mínima, a R$ 5,1445. 
 
Na quarta, o dólar – que chegou a alcançar R$ 5,25 – fechou o dia a R$ 5,1955, em alta de 3,79%, renovando recorde de fechamento nominal (sem considerar a inflação). Na máxima do dia, o dólar chegou a R$ 5,2575. No ano, a moeda acumula alta de 29,57%.
 
Na bolsa, o dia é mais uma vez de queda, acompanhando o persistente clima e nervosismo nos mercados globais, pressionados pelos temores de recessão em diversos países.
 
 
 
 
 
Fonte: G1

• Veja todas notícias

fb.com/solucoesemcredito
Rua Julio de Castilhos, 132 - Conj. 204 - Centro - CEP:90030-130 - Porto Alegre - RS
51 3014.7800
Subir para o topo