Economia
Dólar deve diminuir sua relevância daqui a 20 anos

Na quarta-feira, a moeda norte-americana caiu 0,71%, a R$ 4,1753.

 
 
 
 
 
O dólar opera com instabilidade nesta quinta-feira (23), de olho nos temores sobre o surto de coronavírus na China e na expectativa de fim do ciclo de cortes de juros pelo Banco Central, após a divulgação da prévia da inflação de janeiro pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
 
Logo na abertura, a moeda norte-americana avançou em relação ao real, acompanhando a retomada das preocupações com a disseminação do coronavírus na China. Ainda durante a manhã, chegou a operar em queda, passando a oscilar no início da tarde.
 
Às 14h20, a moeda norte-americana recuava 0,16%, a R$ 4,1688. Veja mais cotações.
 
Na quarta, a moeda norte-americana caiu 0,71%, a R$ 4,1753, após atingir R$ 4,20. Neste ano, a moeda acumula alta de 4,13%.
 
 
 
 
 
Fonte: G1

• Veja todas notícias

fb.com/solucoesemcredito
Rua Julio de Castilhos, 132 - Conj. 204 - Centro - CEP:90030-130 - Porto Alegre - RS
51 3014.7800
Subir para o topo